Posts com a Tag ‘circuito da gávea’

A HISTÓRIA DA ROCINHA CONTADA PELA TV ROC

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Memória

historia1 O Bairro de São Conrado ganhou este nome em 1916, quando o Sr. Comendador Conrado Jacob Niemeyer ergueu uma pequena igreja em devoção à São Conrado. Logo depois, mas também em 1916, ele concluiu as obras da Avenida Niemeyer doando-a para a prefeitura do Rio de Janeiro, e ainda melhorou a Estrada da Gávea que ganhou esse nome em 1917, após incorporar parte da rua Marquês de São Vicente, na Gavea. Em 1919 a Avenida Niemeyer foi alargada por Paulo de Frontin.

historia5 A Estrada da Gávea com suas belíssimas e sinuosas curvas fazia o chamado “Trampolin do Diabo”, e entre 1933 e 1952 serviu para as corridas automobilísticas do circuito da Gávea. Em 1971, ocorreu a inauguração do Túnel Dois Irmãos (atual Zuzu Angel) e o prolongamento da auto-estrada Lagoa-Barra. O Shopping São Conrado Fashion Mall surgiu no ano de 1982.

O surgimento da Favela da Rocinha foi iniciado em 1930, com os seus barracos e lavouras.  Seu maior (mais…)

+ FOTOS INÉDITAS DO CIRCUITO DA GÁVEA

segunda-feira, 26 de abril de 2010

O famoso ‘Trampolim do Diabo’ e suas perigosas curvas

+ MAIS FOTOS

Baratinhas velozes voavam pela Avenida Niemeyer e (mais…)

FALE CONOSCO – A VOZ DA ROCINHA ONLINE QUER TE OUVIR

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2010

DATA DA POSTAGEM ORIGINAL: 26/10/2007

Fale  Conosco!

Obrigado por acessar o “PORTAL DA ROCINHA REAL”, deixe seu contato seu assunto, sua sugestão, breve entraremos em contato!

Video – “AS BARATINHAS VELOZES DO CIRCUITO DA GÁVEA”

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

DATA DA POSTAGEM ORIGINAL: 13/07/2009

Veja as baratinhas voadoras do lendário Circuito da Gávea!

caneta.jpg Relembramos o Circuito da Gávea nos anos 30, 40, 50… um traçado de rua com mais de 11 quilômetros que contornava o (mais…)

CIRCUITO DA GÁVEA, O LENDÁRIO ‘TRAMPOLIM DO DIABO’

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

caneta.jpgReedição de Nelson Pasini, http://videolog.uol.com.br/pasavideo, do filme de 1937, de Adhemar Gonzaga. Prova realizada no Rio de Janeiro, Circuito da Gávea. Um usuário anônimo videolog afirma que existe uma bandeira nazista sim ao lado da (mais…)

A HISTÓRIA DO LENDÁRIO CIRCUITO DA GÁVEA

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

Você sabia que já teve corrida de “Baratinhas” na Rocinha?

CIRCUITO DA GÁVEA NO RIO DE JANEIRO – Tudo começou em 1906, com uma corrida de carros oficialmente organizada pelo Automóvil Club Argentino, a Buenos Aires – El Tigre – Buenos Aires. Antes, ocorreram corridas de carros extra-oficiais, no Brasil e na Argentina, organizadas pelos próprios participantes. Em 1902 aconteceu uma corrida de carros no Hipódromo Paulistano da Moóca entre 3 cavaleiros, sendo vencedor o Sr. José Paulino. Na Argentina houve em 1899 uma corrida entre 2 triciclos a motor.A primeira corrida de automóveis oficialmente organizada no Brasil por um clube automobilístico – no caso o Automóvel Club de São Paulo – aconteceu em 26 de julho de 1908, em Itapecerica da Serra – São Paulo. O vencedor foi Sylvio Álvares Penteado, pilotando um Fiat de 40 cavalos e aclamado como herói por uma multidão de dez mil pessoas. Somente oito anos depois é que os carros voltariam a circular em São Paulo disputando uma corrida, quando um grupo de pilotos resolveu disputar uma prova num percurso entre São Paulo e Ribeirão Preto.

O Primeiro carro de corridas brasileiro foi construído de 1933 a 1939 por João Geraldo Woerdenbag, da “Woerdenbag Motors”, na Rua do Senado n°. 341 – bairro Riachuelo, Centro do Rio de Janeiro. Foi vencedor do III Gávea Nacional de 1940, pilotado por Rubens Abrunhosa, com motor Studebaker e chassis próprio. Para quem não sabe, João Geraldo é pai do Tomás, que continuou na mesma oficina na Rua do Senado, até falecer em agosto 2004 e do João Luís, que foi da Motorfix, uma excelente oficina nos anos 1980 na Rua Assunção, em Botafogo. Atualmente, João Luis, já falecido — pai do cantor Lobão — cuidava dos carros da família Marinho, no Rio de Janeiro. No Rio de Janeiro, o nome Gávea é originário da maravilhosa pedra de 842 metros que se levanta quase à beira-praia entre a desembocadura do (mais…)